Logo

Leque Azulejo Séc. XVIII - Anjo

Fornecedor: Horas & Colecções
Tipo: Leques

€ 12.50

O Azulejo é uma das expressões mais fortes da Cultura em Portugal e traz consigo cinco séculos de uma das contribuições mais originais do génio dos portugueses para a Cultura Universal.

É a partir do séc. XVII, com a restauração da independência em 1640 que o azulejo passa a ter um papel de destaque na arquitetura portuguesa.

A expressão ganha pela nobreza a nível nacional leva à construção de novas residências palacianas que vão exigir um grande número de azulejos para revestir superfícies em interiores e jardins. Vão-se destacar as composições polícromas (amarelo, azul e também apontamentos em verde e castanho) de tradição holandesa.

Durante quase 50 anos importaram-se dos Países Baixos conjuntos monumentais de azulejos. Reagindo à concorrência externa, as oficinas nacionais contrataram pintores com formação académica e dão início ao período de desenvolvimento da produção nacional, conhecido pelo ciclo dos mestres.

Características: Impressão em tela de algodão e poliamida, toque e brilho de seda, 24 varetas em madeira de pereira polida, dimensões do leque aberto 43×23 cm, embalagem de PVC

Since medieval times, glazed tiles or azulejos (a word of possible Arabian origin – al-zuleycha) have had an uninterrupted presence in Portuguese architecture, building with the techniques of Moorish artisans, and further reflecting ceramic designs from Seville and Valencia. The history of Portuguese glazed tiles has been further marked by the influence of the Italian Renaissance, Oriental Chinese exoticism and Dutch influence.

Characteristics: open fan 43x23cm ; wood ; impression in artifical silk cloth ; silk shine and touch; pvc pouch  

Continue a explorar o catálogo
Navegue por mais Azulejo Século XVIII, ou outros produtos Horas & Colecções.